Cabelos

Óleos Vegetais X Óleos Essenciais: qual a diferença?

No post sobre “Óleos para a Pele“, pontuamos um detalhe que achamos por bem conversar mais a respeito: a importância de saber diferenciar e utilizar óleos vegetais e óleos essenciais. Há muitas pessoas que gostam de fazer séruns e misturinhas com óleos, mas é importante saber as especificidades de cada óleo, seja sobre a pele, cabelos e/ou couro cabeludo. Vamos entender um pouco mais?

Óleos Vegetais X Óleos Essenciais

diferença entre óleos vegetais e óleos essenciais
Como podemos ver, os óleos vegetais se diferenciam dos essenciais. A principal diferença vemos nos aspectos de composição e absorção pela pele.
  • Como o óleo essencial é altamente concentrado e suas moléculas são menores, ele pode cair na corrente sanguínea e provocar reações. Por isso seu uso é sempre indicado em pequenas proporções (uma gota) e misturados a cremes ou outros óleos vegetais.
  • Já os óleos vegetais, ricos em vitaminas e sais minerais, têm sua absorção parcial no organismo, o que torna seu uso mais seguro.

Como aproveitar melhor cada óleo?

Os óleos vegetais já são velhos conhecidos de muitos tratamentos de beleza. Podem ser utilizados puros e diretamente sobre pele e cabelos (umectação tá aí de prova). Por isso, não existe segredo! Muitos podem, inclusive, ser ingeridos e oferecer inúmeros benefícios à saúde. Esse é o caso do azeite de oliva, o óleo de coco e até mesmo o óleo de rícino (tem sabor amargo, mas muita gente o utiliza como laxante – atenção: grávidas jamais devem utilizar óleo de rícino).
Já os óleos essenciais não devem ser ingeridos jamais! Para um melhor aproveitamento, o ideal é colocar poucas gotas em misturas. Seja para a pele, para o cabelo ou unhas.

Outros usos dos óleos essenciais

Os óleos essenciais também são perfeitos para:
  • aromaterapia, podendo amenizar quadros de fadiga, desânimo, estresse, entre tantas emoções! Nesse caso, pingue duas gotas de sua essência favorita em um difusor de ambientes.
  • Use também uma gotinha no travesseiro, por baixo da fronha, para garantir uma boa noite de sono.
  • Banhos com estes óleos são ótimas opções tanto para o relaxamento, quanto para cuidar da pele (sempre em poucas gotas).
exemplos de óleos vegetais e de óleos essenciais
E você, sabia que existia tanta diferença e versatilidade entre os óleos vegetais e essenciais? Faz uso de algum? Conta pra gente!
Você pode gostar também de:
Compartilhe nas redes sociais
0
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial

Gostou do Blog? Compartilhe com amigos!