Cabelos

ALISOU? TEM QUE CUIDAR!

O que seria de nós sem essa necessidade constante de ousar, mudar e tentar o novo, não é mesmo? Mas essa versatilidade toda, obviamente, tem um preço. Hoje o post é especial para você que resolveu ter belos cabelos alisados! Passar um tempo com os cabelos lisos, leves e soltos traz mais praticidade, é verdade, mas não há escapatória: alisou, tem que cuidar!

Você sabe quais são os cuidados fundamentais para manter a saúde dos cabelos em dia após um procedimento químico de “abalar as estruturas” (literalmente)? Confira!

Reconstruir: antes, durante e depois!

Durante alisamentos os fios perdem muita massa, que, basicamente é a estrutura principal do fio. A massa que permaneceu, no pós química com certeza teve sua estrutura totalmente modificada. Por isso, os tratamentos de reconstrução são tão importantes não apenas depois, mas antes e durante o processo como um todo.

Como reconstruir o cabelo em cada etapa

  • Antes da química: na lavagem anterior (cerca de 48h antes), use uma boa máscara reconstrutora para garantir cabelos fortes e preparados para a “agressão” que virá;
  • Durante: a reconstrução capilar do “durante” depende da escolha do produto de transformação (da química). Atente-se à fórmula, dê preferência àquelas enriquecidas com ativos de tratamento, para que a massa seja reposta também durante a ação. Não compensa optar por produtos de baixa qualidade (muitas vezes por terem um preço menor) e colocar em risco a integridade dos fios.
  • Tenha à mão um SOS de reconstrução rápida para usar logo após o enxágue da química;
  • Depois: muitas vezes, salvar um cabelo de danos severos custa muito mais do que prevenir com produtos de qualidade. Por isso, o tratamento posterior é obrigatório: mantém os fios saudáveis e prolonga o efeito do alisamento. Sim: fios reconstruídos e cuidados com um bom cronograma capilar tendem a “segurar” por mais tempo o efeito da química, já que estará condicionado e com o “peso” certo para tal.

Cabelos Alisados Como cuidar

E falando de Cronograma Capilar…

Alisou o cabelo? Que tal iniciar um Cronograma Capilar específico para essa nova “condição”?

Seguir uma rotina de tratamentos pode fazer a diferença para devolver ao cabelo tudo o que ele perde no dia a dia. O Cronograma Capilar, caso você não conheça, é uma estratégia de tratamento que consiste em revezar 3 tipos de máscaras. Cada uma delas vai atender uma necessidade específica dos fios (aqui no Portal colocamos um texto sobre essa rotina bem explicadinho, confira).

Além do Cronograma Capilar, opte por produtos específicos para cabelos quimicamente tratados. Lembre-se que, quando alisados, os cabelos tendem a ficar mais oleosos e necessitam de higienização constante e suave para se manter equilibrados. Não pule etapas do Cronograma e sempre capriche… Na etapa de reconstrução! Se com o cabelo natural você fazia apenas uma vez ao mês, agora o ideal é a cada 15 dias, pelo menos. Nutrições semanais são igualmente importantes e, claro, as hidratações frequentes também.

Hay que lavar, pero sin perder la escova!

Como dissemos, o efeito “oleoso” nos fios alisados é mais acentuado. Isso porque o couro cabeludo está acostumado a produzir uma determinada quantidade de óleo para fazer a manutenção “inteligente” do seu tipo de cabelo (que, no caso, pode ser desde ondulado até crespo). Quando você alisa, essa quantidade tende a “despencar” para as pontinhas com mais rapidez, dando uma impressão de que ele fica sujo e pesado mais rápido.

O que eu faço com a oleosidade excessiva?

A vontade é de lavar o tempo todo, porém, tenha cautela. Shampoo antirresíduos, por exemplo, deve ser utilizado somente a cada 15 dias. Não porque o shampoo antirresíduos “retira a progressiva” (ou outro alisamento), mas porque ele vai “descolando” as escamas que foram devidamente seladas na hora do procedimento. Essa regra serve para todos os tipos de cabelos, mas é importante frisar que o uso exagerado do antirresíduos pode ser “interpretado” pelo organismo como uma agressão. O seu uso frequente desequilibra a produção natural de oleosidade do couro cabeludo. Isso pode (e provavelmente vai) levar ao efeito rebote, trazendo de brinde descamações, caspas, seborreias e afins.

Qual a melhor forma de lavar cabelos alisados?

O ideal é lavar os fios apenas duas vezes na semana com um shampoo hidratante, específico para cabelos quimicamente tratados. Nas demais lavagens, um bom co-wash (saiba o que é, clique aqui) é mais que bem-vindo, já que ele higienizará seus fios sem mexer na abertura de cutículas ou no pH.

Cabelos Alisados Como cuidar

Atenção aos retoques!

A raiz cresceu? Já bateu aquela vontade de se jogar na química de novo? Então tenha calma, respire e verifique algumas condições:

  • Quanto tempo se passou desde a última aplicação?
  • Como está a saúde do seu cabelo?
  • Como está a textura dos fios?
  • Você acha que seu cabelo aguenta um novo procedimento?

Se tiver segurança de todas as respostas, então, opte por retocar somente a parte “natural” do cabelo, onde cresceu (e nada mais).

Alisar diversas vezes, não!

Cabelos alisados que vão receber mais química podem ter:

  • Perda excessiva de massa capilar;
  • Afinamento do fio (sabe quando parece que o cabelo está ralo?);
  • Fragilidade, deixando os fios suscetíveis à quebra;
  • Corte químico, caso o produto ofereça uma ação inesperada e cumulativa (alguns produtos podem ser incompatíveis entre si).

Por isso: cuidado, carinho e atenção sempre, ok?!

Alisar e pintar: qual faço primeiro?

Fazer coloração e depois a progressiva, ou a progressiva antes da coloração? Que dúvida cruel (e polêmica)!

É difícil achar um consenso entre profissionais sobre qual é a ordem mais indicada, porém, há uma unanimidade: NÃO FAÇA OS DOIS NO MESMO DIA! Mesmo que o seu cabelo esteja saudável, forte, brilhante e maravilhoso, dê uma pausa de 15 dias entre uma química e outra. Esse espaçamento entre as transformações pode garantir o “respiro” necessário para reposição dos nutrientes e proteínas antes de nova agressão. Se o cabelo não estiver tão saudável, então… É melhor recuperar antes de sequer pensar em química!

Alisamento interfere na cor?

Podem interferir SIM! E muito. Principalmente para cabelos loiros, os alisantes que requerem fonte de calor (escova e chapinha) podem oxidar o produto no fio, amarelando a cor antes da hora. Em todos os casos, uma dica valiosa é ter sempre à mão máscaras matizadoras (aquelas livres de químicas), apenas para realçar/ajustar o tom. Esses produtos são uma saída saudável para quem usa e abusa de todas as ferramentas para alimentar o “instinto de camaleão”!

Saiba mais sobre cuidados de cabelos coloridos, clique!

E aí, curtiram as dicas para cuidar do seu querido liso? Pois é… A praticidade de cabelos alisados não dispensa, nem de longe, cuidados essenciais e frequentes para manter a saúde e integridade dos fios. Mas apesar do trabalhão, fala a verdade: tão gostoso ver nosso cabelo do jeitinho que a gente gosta, né?!

Os melhores produtos para cabelos alisados

 

 

  1. Shampoo Detox: clique aqui;
  2. Shampoo Hidratante: clique aqui e aqui;
  3. Kits para Cronograma Capilar: clique aqui;
  4. Máscaras de Reconstrução Capilar: clique aqui.

 

Você pode gostar também de:

Compartilhe nas redes sociais
0
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial

Gostou do Blog? Compartilhe com amigos!